Troca de óleo do motor: fique atento

em segunda-feira, 6 de abril de 2009
Amigos, encontrei esta dica sobre óleo de motor no jornal "Estado de minas" e achei tão interessante que resolver reproduzi-la na integra como segue abaixo:


Há alguns anos, o fenômeno da borra (o óleo vira uma espécie de pasta) se espalhou pelo país, danificando motores de veículos de passeio de várias marcas. Depois de muita polêmica, veio o diagnóstico: uso de lubrificante fora das especificações; troca (do óleo e do filtro) fora do tempo ou da quilometragem correta; e, por último, abastecimento com combustível fora das especificações. Para evitar problemas, o motorista deve seguir algumas dicas, que foram passadas por Remo Lucioli, especialista em lubrificação automotiva, da empresa Inforlub.

A troca de óleo deve seguir rigorosamente o manual do fabricante do veículo?

Sim. Mas o motorista deve tomar cuidado com manuais mais antigos, que previam trocas a cada 20 mil quilômetros. Essa quilometragem foi especificada inicialmente por fabricantes na Europa, que, porém, tiveram o cuidado de especificar claramente o óleo a ser usado e o tempo máximo que esse lubrificante deveria ser trocado. No Brasil, não foram feitas essas restrições e tivemos muitos problemas (o principal deles, o fenômeno da borra). O motorista deve consultar o concessionário da marca ou pontos de trocas, que têm informações mais atualizadas.

Deve ser feita por tempo ou quilometragem?

Depende. Pode ser por um ou por outro. O óleo tem aditivos que permanecem inertes enquanto o lubrificante não é colocado no motor. Depois de colocado no propulsor, esses aditivos (que são reagentes químicos) entram em ação, atuando mesmo quando o motor não está funcionando. Mas o desempenho do óleo também depende do tipo de uso do veículo. Portanto, o motorista que roda pouco, e em condições severas deve trocar por tempo (no máximo, a cada seis meses). Já aquele que roda a maior parte do tempo em rodovias, a troca pode ser feita por quilometragem (no máximo, a cada 5 mil quilômetros).

O que são condições severas?

Muitos motoristas acreditam que a rotina de ir e voltar para o trabalho, que fica perto de casa, é um tipo de uso leve do veículo. Engano. Esse é o típico regime severo, no qual o veículo roda por vias urbanas, em trânsito congestionado, em velocidade média abaixo de 60km/h e em percursos com menos de 15 minutos. Regime leve seria rodar a maior parte do tempo no trânsito livre e fluente, com velocidade média acima dos 60km/h e em percursos com mais de 15 minutos.

É preciso substituir o filtro de óleo a cada troca do lubrificante?

Sim. Um filtro de óleo do motor Ford 1.0, por exemplo, processa mais de 20 litros de óleo por minuto. A cada 5 mil quilômetros, a uma velocidade média de 30 km/l, o filtro terá processado mais de 200 mil litros de óleo. O material filtrante, no interior do filtro, é papel, semelhante ao coador de café. Então, como se encontra esse filtro?

Existe motor que exige óleo sintético? Pode-se escolher entre o óleo mineral, geralmente mais barato, e o sintético? Os dois podem ser misturados?

Deve-se sempre consultar o manual do fabricante do veículo para saber a opção do mineral, desde que atendidas as especificações técnicas, previstas no mesmo livreto. Mas existem alguns veículos, como os BMW, que exigem somente óleo sintético. Mas o proprietário do veículo deve, pelo menos uma vez ao ano, consultar o concessionário da marca para saber se não houve mudança nas especificações do manual. Não misture os dois tipos, pois isso vai baixar a resistência térmica do volume resultante, o que pode danificar seriamente o motor.

E quanto às marcas? Podem ser misturadas?

Pode-se completar o nível com óleo de outra marca, desde que o lubrificante tenha a mesma especificação. Essa miscibilidade é prevista na legislação brasileira. Algumas empresas tentam vender a idéia de que isso não é possível para tentar manter o cliente fiel à marca.

Pela manhã, o motorista pode sair normalmente com o carro ou deve esperar o motor esquentar um pouco, por causa do óleo lubrificante?

Teoricamente, por motivos técnicos, o motor moderno não exige que o motorista espere o aquecimento do óleo e das peças, para sair com o veículo pela manhã. Mas o melhor é aguardar uns 30 segundos para sair e não elevar as rotações do motor até que o ponteiro de temperatura do líquido de arrefecimento do motor atinja o ponto ideal.

O que fazer quando a luz do óleo se acende no painel?

Pare o veículo imediatamente, desligue o motor e procure atendimento mecânico.

Qual consumo de óleo pode ser considerado normal, ou seja, que não seja um sinal de problemas?

Nos motores dos veículos da década de 1980, de até 1 litro a cada 1 mil quilômetros. Nos dos carros dos anos 2000, no máximo de 300 ml a cada 1 mil quilômetros.

FONTE: JORNAL ESTADO DE MINAS.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

36 comentários:

  1. Tenho um ford ka image ano 2000 não tenho manual do veículo e gostaria de saber qual o oléo recomendado para o meu tipo de carro motor zetec rocan

    ResponderExcluir
  2. Tenho um ford ka image ano 2000 não tenho manual do veículo e gostaria de saber qual o oléo recomendado para o meu tipo de carro motor zetec rocan

    ResponderExcluir
  3. Os carros equipados com motores Zetec Rocam 1.0 ou 1.6 utilizam oleos 5w30 sintéticos, mas já estiverem com desgate interno podem usar 20W50 mineral. Mas cuidado, NUNCA pode mistura-los. Quando for trocar deve lavar primeiro o motor internamente pelo processo utilizando: "FLUSH"

    ResponderExcluir
  4. Otimo comentário Olivia! Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A mudança do óleo 5W30 para o 20w50 e muito drástica
      o ideal e mudar para um óleo mais compatível como por exemplo
      óleos 15W40, Que não tem uma mudança considerável
      mas já pode resolver o problema de desgaste ou queima,
      sem danificar o motor com óleo muito viscoso

      Excluir
  5. Oliva
    Adquiri, recentemente, um Fiesta 2001 , Zetec Rocam, com 90,000 km, diretamente da Concessionária, que me informou ter trocado o óleo pelo Motorcraft 20~50.
    Nas partidas à frio, tenho ouvido uma pequena e rápida batida, que pode parecer tuchos, corrente ou talvez casquilhos?
    O motor está super seco, não fumaça nada, e parece bastante potente mas sinto que poderia ser mais econômico.
    Após ter lido o manual e me informado com outros, estou chegando a conclusão de que o melhor seria o sintético 5W30, em vista do melhor alcance nas partes altas do motor e nas partidas à frio.
    As perguntas são:
    Devo passar para o 5W30?
    Devo aplicar o flush?
    Qual o prazo de troca a respeitar?
    Muito obrigado
    Sergio

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Sérgio. Obrigado por prestigiar nosso blog!
    Seu carro deve usar o óleo especificado pelo manual de instruções. O óleo sintético é melhor de ser usado, pois limpa o motor de impurezas. O uso de flush não é recomendado, pois pode danificar o motor em alguns casos se for mal aplicado. O ideal é trocar o óleo a cada 5.000 kms, principalmente se você roda mais dentro da cidade. Qualquer dúvida, estou a disposição. Entre em contato por email também se quiser. Júnior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. independente da quilometragem: óleo motorcraft 5w30 API SL. utilizado nos motores ford zetec rocam 1.0 e 1.6

      Excluir
  7. Oi gente parabens pelo blog! Sou taxista a 7 anos, e sempre troquei oleo do carro de 5 em 5mil km, comprei um corsa premium 1.4 a 1 ano, apesar de flex, uso apenas gasolina aditivada e ate 4 meses atraz trocava o oleo sintetico 5w30 a cada 7.500 km. Infelismente, meu pai veio a falecer a 3 meses atraz, e por tantos problemas que passei, acabei por esquecer a troca de oleo do carro que no caso era pra trocar aos 40.762 km e agora esta nos 48.274 !!! Na ultima troca, tambem troquei o filtro, e usei o havoline. Vou fazer a troca amanha, mas ate la nao vou usa-lo, teriam alguma recomendacao para eu compensar meu motor ou nao? Vou ter muitos problemas agora???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, obrigado por prestigiar nosso blog. No seu caso não tem muito o que fazer. Se você sempre troca o óleo na quilometragem correta provavelmente não terá grandes problemas, apesar de ter passado muito da quilometragem da troca. O importante é saber o nível do óleo. Ele deve estar bem fino, pois passou muito do tempo, porém se estiver no nível não terá problema. O risco maior é quando o carro anda sem nada de óleo e o atrito entre os componentes faz ele fundir. Troque o óleo o mais urgente possível, mas acredito que se estiver no nível, você não terá problemas, pois foi somente uma vez que isto ocorreu.
      Abraço. Júnior

      Excluir
  8. quantos litros de oleo vai no polo 1.8

    ResponderExcluir
  9. troquei o oleo do carro e notei que esta sujando a garagem, nunca aconteceu isso, entao eu entrei de baixo dele pra ver da onde seria e vi que é no parafuso que o trocador solta pra tirar o oleo usado o que eu faço?

    ResponderExcluir
  10. Amigo, volte onde fez a troca. Eles deveriam ter trocado o anel que faz a vedação do óleo. Tente um reaperto (sem exagero, claro) e aguarde a próxima troca para substituir o anel.

    ResponderExcluir
  11. se auguem puder me ajudar agradeço, a luz do oleo do meu ford ka ano 2003 motor zetc rokan 1.0 acende na lenta,ja troquei bomba de olho e retifiquei vira brekim fiz tudo, menos troca de aneis, fiz tudo que o mecanico disse pra fazer, e mesmo assim continua assendendo na lenta,meto fogo nessa merda?desculpe to irritado

    ResponderExcluir
  12. O que ninguem comentou ate agora
    O motor honda queima oleo a cada 1000kms..
    Os motores ford e chevrolet sao muito superiores. Rodando ate a troca sem queimar.

    ResponderExcluir
  13. Bom dia.

    Ontem pedi para o meu tio levar meu celta para trocar o óleo, pedi para colocar 5w30 acdelco, que foi o ultimo tipo de óleo usado na ultima troca. Mas ele não se atentou e acabou deixando o mecanico colocar um ac delco 20w50. Queria saber se isso irá prejudicar o motor do meu carro.
    è um celta Flex (geralmente abastecido com alcool), 1.0 2008 com 120.000km. Obrigado.

    ResponderExcluir
  14. Olá pessoal! Posso colocar o óleo Motorcralt 5w30 no fiat Uno, Pálio fire, Sienna 1.4 e no GM Celta VHC??

    Algum problema?!

    ResponderExcluir
  15. BOA NOITE !! GOSTARIA DE SABER QUANTOS LITROS DE OLEO VAI NA BMW 320I 2010 2.0 TROCANDO O (REFIL) FILTRO OBS ELA NAO TEM VARETA DE MEDIR O OLEO ..

    ResponderExcluir
  16. vc do celta flex,1.0 2008,sou técnico de lubrificação,não tem problema nenhum de ter colocado óleo 20w50 a especificação do fabricante deste veículo pede 5w30 mais como seu carro é 2008 e tem 120.000kms não vai haver nenhum desgaste do motor pode ficar tranquilo.

    ResponderExcluir
  17. não fique de boa esta no manual que pode ser utilizado 20w50 mas o recomendável e 5 5w30 por causa da viscosidade

    ResponderExcluir
  18. gostaria de saber se tem algum oleo que substitui o selenia original da fiat meu carro é um uno 1.0 2004 ela ta com 103 mil km rodados se tem qual o melhor que poderia usar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola boa tarde Ladson,
      Você não precisa colocar o selênia mas precisa
      seguir as especificações do fabricante,
      Óleo semi-sintético sae 15w40 API SL ou superior
      Exemplos;
      Lubrax tecno 15W40
      Ipiranga F1 master Plus 15W40

      espero ter ajudado!

      Excluir
  19. ola pessoal fiz o motor do meu focus 1.6 rocan completo que óleo devo usar o 5w30?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A FORD tem duas recomendações de fabrica que seria,
      veículos ate ano 2000 óleo 20W50 API SJ ou superior.
      veículos apos 2001 óleo 5w30 sintético API SL ou superior.

      Seu carro esta com o motor novo agora, então dependendo
      do ano de fabricação utilize óleos originais

      OBS.
      Você também tem uma opção de óleo meio termo
      nem muito viscoso e nem menos viscoso
      que seria óleo 15W40, que seria recomendado para veículos
      apos 2001 com km mais alta

      Excluir
  20. Use sempre o óleo recomendado pelo fabricante.

    ResponderExcluir
  21. olá pessoal tenho um Siena 2008 1.0 Celebration fiz a troca de oléo e acabei colocando o Havoline premium 15w-40 SAE API SL só que e um oléo multiviscoso mineral será que terei problema já que deveria usar o Silênio sintetico

    ResponderExcluir
  22. Boa Tarde eu tenho um GOL G2 2003 special 1.0 a gasolina com Quilometragem de 135.000,00 mil km, é que óleo seria ideal para meu carro, pois eu não possuo manual do fabricante...

    ResponderExcluir
  23. tenho um civic 2004 esta com 86.000 km quero fazer a troca de óleo do motor e o mecânico me disse que o carro teria agora ter que usar óleo semi sintético isto procedi.Obrigado.

    ResponderExcluir
  24. Olá preciso trocar o oleo do meu fiesta rocan 1.0 qual oleo vc me recomenda..? E qual a faixa dos gastos.. Oleo.. filtro.. Mão de obra..

    ResponderExcluir
  25. boa noite meu Ka é 2008/2009 está com 118.000 qual oleo apropriado?

    ResponderExcluir
  26. Tenho um palio 1.8 R motor GM fui fazer a troca de óleo... E dei a partida normalmente quando derepente começou a sair fumaça só motor,andei cerca de 3minutos no máximo... O cara só posto que eu fiz a troca tinha colocado um filtro da fiat não da GM ai saiu óleo por todos os lados.. Colocamos o filtro certo e óleo novamente o carro ainda fumaçou,mais esta diminuindo,gostaria de saber se terei problemas futuramente?? Se puderem me ajudar agradeço

    ResponderExcluir
  27. Thaís, você deve procurar seu mecânico de confiança para verificar se houve algum dano no motor.
    Júnior

    ResponderExcluir

Os comentários deste blog são moderados.
Utilize sua conta do Google para comentar.

Arquivo do blog

Online

  ©Auto Motors - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger